Colaboradores

domingo, 26 de agosto de 2007

O Processo


Sossega-te

Eles te protegem

A cada passo

A cada pensamento

Lá estão eles... Para te proteger!

Te guiam, não precisa saber onde ir

O teu caminho já está planejado

É só seguires as instruções...

E coitado de ti se não as seguires...

É para o teu bem é o que eles dizem

dois mais dois é igual a cinco!

Que bom que você entende isso,

Porque assim eles não precisarão te salvar

Do que?...
Da LOUCURA de ser você mesmo!


Passa Um. Ficam dez. Transformam Um. Ganham cem. Cura-se Um. Salvam-se mil. Modificam um. Adquirem milhões. Pegam um homem. Lucram em dolár...
Cumpra-se a ordem. Cale. Não se mova.
Há riqueza no choro, diamantes nos corpos, ouro na tortura. Há civilização nos testes, de animais em animais....
Ouçam os cantos. Ouçam. Há maior dor no lamento do homem, menos no poder!
Testam drogas
Testam farmacias
Testam feridas
Testam sentimentos
Testam vida
E assim morremos, de olhos lacrados, calados...

Fernanda Oliveira

3 comentários:

Flá disse...

e a cada passo me calo diante desse texto...com direito a texto teatral e tudo..rs
Beijossssssssss

FER disse...

hum eu conheço essa cena hem!!!!adorei a homenagem a quase "BioArt"...saudades!

Layla disse...

fêêêêê!

que aspereza de tato descobri em coisas de contexto tão delicado!

veja bem, meu bem, adorei tuas palavras... muito bom mesmo.

eu tava lendo também os outros textos, teus das meninas... ;]

*beijããão!